sexta-feira, 13 de maio de 2016

Diário do Marcelo - Manuela Moura Guedes responde a Fernanda Câncio, e diz-lhe que o importante não é estar viva, mas ver o solzinho a dançar



Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas


Ambas viram o solzinho a dançar, há muitos anos: Isto é que é uma jornalista com "faro"! Fernanda Câncio, como namorada de Sócrates, usufruía de um estilo de vida que só mesmo muito dinheiro poderia proporcionar mas nunca achou estranho. Enternecedora esta ingenuidade e principalmente a fé no namorado. Nunca lhe passou pela cabeça mesmo com as suspeitas no caso Cova da Beira, Freeport, escutas no Face Oculta, as aldrabices da licenciatura, as casinhas da Guarda... Não, a jornalista Câncio sempre achou normal que o ex-primeiro-ministro se comportasse como um milionário. Poderia ter sido a paixão a cegá-la. Mas não, Fernanda é simplesmente igual ao português comum que reelegeu Sócrates em 2009 enquanto se caminhava alegremente para a bancarrota ,o português que aplaude quando ele vai ao Marão ou a Paredes de Coura dar lições de sapiência sobre o País que ele afundou. A única diferença, e é circunstancial, é que a incauta Simplesmente Fernanda precisa neste momento de limpar o nome, a imagem e não direi a alma porque essa estava cega, surda e muda. Agora finalmente falou e falou alto para dizer que abandonou o barco” 
 
 

Blogger news

Blog Archive