quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

"Lusófona" (a Universidade onde os políticos dão "aulas" uns aos outros), não vai proibir as praxes, porque os alunos "estavam apenas a divertir-se" (sic.) E a pergunta do cidadão português, a quem as reformas e salários foram cortados, é quanto é que essa "diversão" já custou em recursos de polícia marítima, combustível, meios humanos, médicos, autópsias, investigadores da Judiciária, Tribunais e o mais que vier, para pagar o "divertimento" dos "jovens" da "Lusófona"?...

One Response so far.

  1. Praxes!?... Praxem-se uns aos outros, filhos da puta!

 
 

Blogger news

Blog Archive