domingo, 11 de janeiro de 2015

fio

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas


Uma leve camada de negro de fumo, espalhei, despigmentei. Depois fui acendendo fósforos na noite, a arderem o tempo breve de um fio de cabelo.
Qualquer dia as frésias no jardim, qualquer dia a crescerem ao deus dará.

8 Responses so far.

  1. .

    .

    . seria tão bom que alguém . vagante ao "deus dará" . pudesse prover.se . agora e repentinamente . de luminosa clarividência . e fazer destas três linhas . da mais sábia sinfonia . o mote para a vida inteira .

    .

    . seria tão bom que alguém . seria .

    .

    .

  2. Bom ano de 2015, Manuela BaPtista, pilar do Braganza Mothers :-)

  3. Kika says:

    Kriu?

    Ela não é espanhola e muito menos se derrete com Saramago, logo, Pilar é que ela não é!

    É sustento e pão para a boca, isso sim!

    Kriu!

  4. says:

    Tem uma gata ao "deus dará" mas que me condiciona os movimentos mais elementares... lá isso tem...

  5. A Jacinta dá os parabéns ao "Lanzudo" :-)

  6. Parabéns, para a Manuela. Bom 2015 :-)))))

  7. ki.ti says:

    ela não está cá

    hoje estamos limitadas nos movimentos internéticos, mas eu aproveitei um fio e entrei e para meu espanto, não é que entrei mesmo!

    milagres da Jacintinha? talvez
    da segurança social é que não é de certeza, o mínimo disponível em ajudas técnicas seria um skate e roubado aos putos, em terceira mão, digo pé, assim mais vale continuar de cama mas provida de um humor felino

    Merci! :))

  8. Não há atentado que tire a virgindade à Senhora de Mota Aamaral

 
 

Blogger news

Blog Archive