sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Diário da Tarada de Calcuteza - Para celebrar o Festival "Queer-Lisboa 2016", José António Saraiva lança o seu livro, "Buraco da Fechadura, o Livro Proibido" (e que buraco e que fechadura.... ), sobre as confidências e as inconfidências da vida sexual dos políticos portugueses. Há de tudo, desde os "ménages" da rede 96, do Sr. Lopes, àquilo que a Câncio assistia, pelo buraco da fechadura, nos dias difíceis do "Héron-Castilho". Os paneleiros da Quinta das Lágrimas são tratados pelo nome, e é revelado o esquema de nomeações dos museus portugueses e do Ministério dos Negócios Traseiros. Sim, é verdade que pelas Manas Avillez, pela Correia e pela Mónica passou tudo, até os elétricos... Sim, é verdade que o Sousa Franco os fazia subir diretamente da garagem do "Barcelona", sem passarem pela receção. Sim, o José Cid tem um olho que não vê, mas em contrapartida os outros dois vêem, e até bem demais. É verdade que o Marco Paulo tem dois amores, e um é mais grosso do que o outro, e a Rua de São Bento realmente parava, sempre que a Amália se engalfinhava com a Maluda e a Pintasilgo. Sim, houve "manas gordas" em Nafarros, e a lanterna vermelha da "Casa dos Érres" alumiava o Restelo inteiro. O leitor poderá chocar-se com os pormenores do "Chuvas Douradas", mas eles estão todos lá, e o Manuel, de dia, Maria, de noite, confessa que gostava mesmo de apagar beatas nas costas das suas legítimas. Há os táxis da Ferreira Leite e o vício solitário, da Maria de Boliqueime. A Serenela Andrade é particularmente lenta, e o Goucha estreou-os a todos. Tudo o resto são trocos, desde o gosto angolano, de Paulo Portas e da Vitorino, ao escritório do Parque, de Marques Mendes. É tudo o que você sempre quis saber sobre o Pedroso, o Ferro e o defunto Barbosa de Melo. Também, há as saunas "bear" do Vitorino, e os segredos da "Mulher Barbada", da Álvares Cabral, da Senhora de Mota Amaral, do Ricardo "Farfalha" e do Ramos, do Funchal. Até tem lá a secreta divisão da uva, pelas próprias palavras do Barroso. Dizem que o Jerónimo também alinha, e há as Manas Mortágua, nuas, desnudas, peladas, à poil & stark naked. E é o Pedro Passos Coelho quem apresenta isto tudo, ó, ó, ó, pois é, e até confirma os seus bons tempos e as suas noitadas nas "Docas", em busca de mais uma, só mais uma, juro que vai ser a última das minhas catingonas pingantes, por que depois eu entro em plena serenidade, farisaísmo e austeridade, na boa da graça de Deus, ámen :-)

2 Responses so far.

  1. Dizem que o António Calvário é bicha :-)

  2. A melhor maneira de celebrar os 10 anos do "Sol": o arquiteto Saraiva a escrever em pleno modo "Braganza Mothers". Parabéns :-)

 
 

Blogger news

Blog Archive