domingo, 13 de maio de 2018

provavelmente maio

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Se fosse jarra de barro tosco pintado à mão, as flores seriam lançadas para a direita e a água espalhava-se pelo tapete. Se fosse vaso com terra e húmus, o equilíbrio era um instante apenas a anteceder a queda. Umas vezes somos água, outras vezes somos terra. Quase sempre, luz.

2 Responses so far.

  1. Bom dia. Visitando e como sempre, ficando fascinado com a sua publicação. Simplesmente brilhante.
    .
    * Mulher = Ventre de Vida...( Poetizando) *
    .
    Votos de um domingo feliz

  2. Quase sempre sou húmus
    sempre procurado, quando a terra,
    mesmo chegando, é pouca