segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Dinamarca, a mesma que manda esquartejar girafas, acha que os jihadistas que regressam do ISIS, do Califado Negro e do Clube dos Degoladores devem integrados, subsidiados, apadrinhados e promovidos. Nós achamos que devem ser utilizados em pequenas curtas metragens de propaganda, onde são decapitados publicamente, para servirem de exemplo aos outros, sobretudo para as gajas que já não arranjavam macho cá, e foram ao cheiro, lá. Mas quem somos nós, não é?...

 
 

Blogger news

Blog Archive