segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Passos Coelho diz que o Orçamento 2015 tem um nível de transparência que não se via há 40 anos, e é verdade: a Goldman Sachs interveio, através do conselho de Carlos Moedas, foi redigido pela gaja que validou as "Swaps" todas, estão à vista os interesses com Angola, as concessões chinesas, as despesas de gabinete, as parcerias público-privadas e até os presépios de Maria de Boliqueime, que custam mais do que o Palácio todo de Buckingham

 
 

Blogger news

Blog Archive