quarta-feira, 15 de abril de 2015

No seu último discurso de 25 de abril, Aníbal de Boliqueime vai apostar em já não me lembro do quê, nem ele, suponho, isto tudo, claro, se não desmaiar a meio...

One Response so far.

Leave a Reply

Venho, enquanto adulto, exercer aqui o meu direito de cidadania, e participar no espírito construtivo deste espaço, que é o de tornar melhor a vida dos cidadãos da Aldeia Global. Penso, logo, participo

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.

 
 

Blogger news

Blog Archive