domingo, 10 de abril de 2016

Brasil a caminho do fascismo

Não sei como as notícias estão chegando aí em Portugal. O Brasil parece estar a um passo de se tornar um país fascista. Como uma rejeição a 14 anos de um governo de esquerda mergulhado em escândalos de corrupção e crise econômica. Exatamente como estava a Alemanha, à época da ascensão do nazismo. Muita gente bacana está voltada à direita. Muita gente (incluindo leitores brasileiros deste blog) também defendem o impeachmant da presidente Dilma e a prisão do Lula, mesmo não havendo provas de que Dilma ou Lula cometeram crime. Lula sequer é réu em qualquer processo. É réu apenas nos meios de comunicação. Mas não tenho pena de Dilma e Lula. Acredito que eles fizeram por merecer. Quando se vende a alma ao Diabo, uma hora o Diabo vem cobrar sua alma. Para chegar a presidência da república, Lula aliou-se à direita, aliou-se a políticos corruptos. Deu no que deu. O mais triste, no entanto, é ver a manifestação de extrema direita que faz barulho como reação ao governo de esquerda mergulhado na corrupção (sem falar na crise econômica). Não basta dizer que é preciso derrubar o governo e prender o Lula. É preciso falar mal de nordestinos, negros, pobres, homossexuais. E não são é só gente da elite branca que faz esse tipo de manifestação. São intelectuais, gente do teatro, da música (como no nazismo...). Muitos pedem um golpe militar ao passo que um dos candidatos mais populares é o militar de extrema direita Bolsonaro, que têm milhões de fãs. Um tipo destes pode se eleger presidente nos próximos anos. É notório também o grande crescimento das igrejas evangélicas no Brasil, que elegem muitos políticos. Por algum motivo, as igrejas evangélicas são representadas por elementos reacionários e corruptos, como o presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, que ninguém consegue tirar de lá. Vocês devem ter ouvido falar do juiz que tentou prender o Lula e divulgou grampos telefônicos realizados entre ele e seus advogados ou entre ele e a presidente. Este é um sinal do que está acontecendo no Brasil. A democracia está frágil. Acompanhem o noticiário, porque muita coisa ainda vai acontecer. Acredito que Dilma será deposta.

3 Responses so far.

  1. Já soou por aqui que a eterna Classe A se sentiu incomodada com a ascensão de uma classe média. O problema é muito semelhante ao português, mas numa escala muito maior: cria-se a uns quantos a ilusão de que estão melhor, enquanto outros tantos aproveitam para ficar MUITO melhor. No final, afunda-se tudo num manto de corrupção

  2. Por cá, lê-se a coisa de muitas maneiras, e nenhuma é boa

  3. Dilma Rousseff e a Senhora de Mota Amaral têm uma coisa em comum: ambas são virgens de mulheres. A diferença é que uma foi vítima de impeachment e a outra nem isso valia...

 
 

Blogger news

Blog Archive